Missa de Natal

Clicar para fazer zoom

Pela primeira vez, na História da CERCIFAF, celebramos nas nossas instalações uma Missa. Quis o acaso que acontecesse por altura do Natal, mais propriamente em 19 de dezembro de 2014, dia em que o nosso ginásio se transformou numa “Igreja doméstica” para acolher a enorme família da CERCIFAF, constituída pelos utentes, colaboradores e órgãos sociais. A ideia desta missa surgiu na sequência de uma visita que o Pároco de Fafe e também Arcipreste do concelho de Fafe, Padre Pedro Daniel, lançou aquando da sua visita às nossas instalações e que desde logo foi muito bem acolhida.

A Celebração da Eucaristia foi presidida pelo Padre Pedro acolitado pelo Tó, Lino, Marco Samuel e Alexandre, utentes do Centro de Atividades Ocupacionais (CAO) e solenizada por um “Coral” constituído por colaboradores da Instituição, sob a regência da maestrina Sara Ferreira, coordenadora do Lar Residencial. Sob a coordenação da Terapeuta da Fala, Orlanda Costa, todos os textos foram lidos por formandas que frequentam o Centro de Formação e Emprego da CERCIFAF (CFE) - Cursos de Dupla Certificação, cabendo a 1ª Leitura à Helena e a Oração dos Fiéis às formandas Sualli e Rafaela, bem como a organização da procissão do Ofertório onde participaram os formandos César e Sandra e os seguintes utentes do CAO: Dores, Lídia, Odete Hugo Joana, Quim Neves e Marina.

O Salmo Responsorial foi cantado pela Terapeuta da Fala, Ivone Cunha.

Na homilia o Padre Pedro manifestou satisfação e alegria por participar nesta missa de Natal, a primeira de Natal realizada este ano no Arciprestado de Fafe, e ainda por esta acontecer num local onde se partilha no dia-a-dia, o amor, a compreensão, a entrega e a doação ao próximo.

O momento de Ação de Graças, que sugere recolhimento e silêncio, recebeu a colaboração do Grupo de Expressão Dramático-Corporal da CERCIFAF (GEDRAC) que, para darem graças pelo privilégio de acreditar que Jesus está realmente em e com cada um de nós, dramatizou uma corografia preparada pela Monitora do CAO, Ana Paula, e, ao som da música “Noite Feliz” uma das jovens foi dar a beijar o Menino Jesus aos restantes elementos do GEDRAC. Foi uma ação muito bonita, recebida por um silêncio reverencial que a todos envolveu.

Antes de terminar a Missa, o Presidente da Direção da CERCIFAF, teve a oportunidade de saudar os presentes para de seguida ler o texto seguinte:
“Na história das organizações, muitos sabem como eles começaram, poucos ou nenhuns ficarão a saber como elas terminam. A CERCIFAF foi a “cabana” aonde muitos pais trouxeram os seus filhos para serem livres e felizes. Também Jesus foi o Redentor que veio para libertar, para o início de uma nova vida. Podemos afirmar que muitos deles renasceram quando aqui chegaram e encontraram o amor, o carinho, o respeito, a amizade e a solidariedade das pessoas que aqui trabalham e se entregam todos os dias, de alma e de coração para que assim aconteça.
O Menino Jesus nasceu pobre. A CERCIFAF também. Muitas das pessoas com deficiência também porque a pobreza e a deficiência andam muitas vezes juntas. E esta pobreza é tanto mais chocante quanto mais sentimos que as situações de invisibilidade social não são o resultado da sua deficiência, mas resultam sim da forma como a deficiência é construída socialmente e das barreiras físicas e psicológicas (estigmas e ideias preconcebidas) que se levantam em sua volta.
Em nome de todos quantos aqui se encontram, aceite Senhor Padre Pedro, a nossa profunda gratidão por nos trazer o Menino aos nossos “meninos”, por nos trazer a alegria de um Santo e Feliz Natal”.

Terminada a missa, utentes da Instituição ofereceram ao Padre Pedro uma toalha tecida em linho na oficina de “Tecelagem Manual”, bem como uma bonita Cruz de madeira que esteve presente por detrás do altar, ambos executados no atelieres da CERCIFAF, sob a orientação do Monitor Damião Sampaio.

A Direção

Reporte Fotográfico

Clicar para fazer zoom

Clicar para fazer zoom

Clicar para fazer zoom

Arquivo ORG

| Página optimizada para uma resolução de 1360x768 ou superior. | Google Chrome v.22 ou superior. | Webmaster roger@cercifaf.pt |